Gênesis 28

Almeida Antiga - IBC

Isaque manda Jacó a Padã-Arã
1 Isaque, pois, chamou Jacó, e o abençoou, e ordenou-lhe, dizendo: Não tomes mulher dentre as filhas de Canaã.
2 Levanta-te, vai a Padã-Arã, à casa de Betuel, pai de tua mãe, e toma de lá uma mulher dentre as filhas de Labão, irmão de tua mãe.
3 Deus Todo-Poderoso te abençoe, te faça frutificar e te multiplique, para que venhas a ser uma multidão de povos; seu
4 e te dê a bênção de Abraão, a ti e à tua descendência contigo, para que herdes a terra de tuas peregrinações, que Deus deu a Abraão.
5 Assim despediu Isaque a Jacó, o qual foi a Padã-Arã, a Labão, filho de Betuel, arameu, irmão de Rebeca, mãe de Jacó e de Esaú.
6 Ora, viu Esaú que Isaque abençoara a Jacó, e o enviara a Padã-Arã, para tomar de lá mulher para si, e que, abençoando-o, lhe ordenara, dizendo: Não tomes mulher dentre as filhas de Canaã,
7 e que Jacó, obedecendo a seu pai e a sua mãe, fora a Padã-Arã;
8 vendo também Esaú que as filhas de Canaã eram más aos olhos de Isaque seu pai,
9 foi-se Esaú a Ismael e, além das mulheres que já tinha, tomou por mulher a Maalate, filha de Ismael, filho de Abraão, irmã de Nebaiote.

A visão da escada de Jacó

10 Partiu, pois, Jacó de Beer-Seba e se foi em direção a Harã;
11 e chegou a um lugar onde passou a noite, porque o sol já se havia posto; e, tomando uma das pedras do lugar e pondo-a debaixo da cabeça, deitou-se ali para dormir.
12 Então sonhou: estava posta sobre a terra uma escada, cujo topo chegava ao céu; e eis que os anjos de Deus subiam e desciam por ela;
13 por cima dela estava o Senhor, que disse: Eu sou o Senhor, o Deus de Abraão teu pai, e o Deus de Isaque; esta terra em que estás deitado, eu a darei a ti e à tua descendência;
14 e a tua descendência será como o pó da terra; dilatar-te-ás para o ocidente, para o oriente, para o norte e para o sul; por meio de ti e da tua descendência serão benditas todas as famílias da terra.
15 Eis que estou contigo, e te guardarei por onde quer que fores, e te farei tornar a esta terra; pois não te deixarei até que haja cumprido aquilo de que te tenho falado.
16 Ao acordar Jacó do seu sono, disse: Realmente o Senhor está neste lugar; e eu não o sabia.
17 E temeu, e disse: Quão terrível é este lugar! Este não é outro lugar senão a casa de Deus; e esta é a porta dos céus.

A coluna de Betel

18 Jacó levantou-se de manhã cedo, tomou a pedra que pusera debaixo da cabeça, e a pôs como coluna; e derramou-lhe azeite em cima.
19 E chamou aquele lugar Betel; porém o nome da cidade antes era Luz.
20 Fez também Jacó um voto, dizendo: Se Deus for comigo e me guardar neste caminho que vou seguindo, e me der pão para comer e vestes para vestir,
21 de modo que eu volte em paz à casa de meu pai, e se o Senhor for o meu Deus,
22 então esta pedra que tenho posto como coluna será casa de Deus; e de tudo quanto me deres, certamente te darei o dízimo.

Referências Cruzadas

1 Gn 27:33; Gn 24:3
2 Os 12:12; Gn 25:20; Gn 22:23; Gn 24:29
3 Gn 17:1; Gn 17:6
4 Gn 12:2; Gn 17:8
8 Gn 24:3; Gn 26:35
9 Gn 36:3; Gn 25:13
10 Os 12:12; At 7:2
12 Gn 41:1; Jó 33:15; Jo 1:51; Hb 1:14
13 Gn 35:1; Gn 48:3; Gn 26:24; Gn 13:15; Gn 35:12
14 Gn 13:16; Gn 13:14; Dt 12:20; Gn 12:3; Gn 18:18; Gn 22:18; Gn 26:4
15 Gn 28:20; Gn 28:21; Gn 26:24; Gn 31:3; Gn 48:16; Sl 121:5; Sl 121:7; Sl 121:8; Gn 35:6; Dt 31:6; Dt 31:8; Js 1:5; 1Rs 8:57; Hb 13:5; Nm 23:19
16 Ex 3:5; Js 5:15
18 Gn 31:13; Gn 31:45; Gn 35:14; Lv 8:10-12; Nm 7:1
19 Jz 1:23; Jz 1:26; Os 4:15
20 Gn 31:13; Jz 11:30; 2Sm 15:8; Gn 28:15; 1Tm 6:8
21 Jz 11:31; 2Sm 19:24; 2Sm 19:30; Dt 26:17; 2Sm 15:8; 2Rs 5:17
22 Gn 35:7, 14; Gn 35:14; Lv 27:30

11 Jacó teve medo e orou. A noite do dia seguinte encontrou-o longe das tendas de seu pai. Sentia-se como um rejeitado; e sabia que toda esta inquietação fora trazida sobre ele pelo seu próprio procedimento errado. As trevas do desespero oprimiam-lhe a alma, e atrevia-se dificilmente a orar. Mas achava-se tão completamente só que sentiu necessidade da proteção de Deus, como nunca antes a sentira. Com pranto e profunda humilhação confessou seu pecado, e rogou uma prova de que ele não estava inteiramente abandonado (VA 83.3).
12. Aqueles que sobem precisam plantar os pés firmemente. Jesus é a escada para o Céu, […] e Deus nos convida a subir por ela. Não podemos, porém, fazê-lo enquanto nos embaraçamos com a carga dos tesouros terrenos. Prejudicamo-nos a nós mesmos quando colocamos as conveniências e vantagens pessoais acima das coisas de Deus. Não há salvação em posses ou recursos terrenos. O ser humano não é exaltado à vista de Deus, ou por Ele reputado como bom, pelo fato de possuir riquezas terrenas. Se obtivermos uma experiência genuína na escalada, aprenderemos que para avançar precisamos deixar para trás todos os obstáculos. Os que estão subindo a escada precisam plantar os pés firmemente em todos os degraus (ST, 01/01/1899).