Miqueias 4

Almeida Antiga - IBC

O anúncio da vocação dos gentios
1 Mas nos últimos dias acontecerá que o monte da casa do Senhor será estabelecido como o mais alto dos montes, e será exaltado sobre os outeiros, e a ele concorrerão pessoas.
2 E irão muitas nações, e dirão: Vinde, e subamos ao monte do Senhor, e à casa do Deus de Jacó, e ele nos ensinará os seus caminhos, de sorte que andemos nas suas veredas; porque de Sião sairá a lei, e de Jerusalém a palavra do Senhor.
3 E julgará entre muitos povos, e repreenderá poderosas nações longínquas; e converterão as suas espadas em relhas de arado, e as suas lanças em podadeiras; uma nação não levantará a espada contra outra nação, nem aprenderão mais a guerra.
4 Mas assentar-se-á cada um debaixo da sua videira, e debaixo da sua figueira, e não haverá quem os espante, porque a boca do Senhor dos exércitos o disse.
5 Pois todos os povos andam, cada um em nome do seu deus; mas nós andaremos para todo o sempre em o nome do Senhor nosso Deus.
6 Naquele dia, diz o Senhor, congregarei a que coxeava, e recolherei a que tinha sido expulsa, e a que eu afligi.
7 E da que coxeava farei um remanescente, e da que tinha sido arrojada para longe, uma nação poderosa; e o Senhor reinará sobre eles no monte Sião, desde agora e para sempre.
8 E tu, ó torre do rebanho, a fortaleza da filha de Sião, a ti virá, sim, a ti virá o primeiro domínio, o reino virá à filha de Jerusalém.
9 E agora, por que fazes tão grande pranto? Não há em ti rei? Pereceu o teu conselheiro? pois se apoderaram de ti dores, como da que está de parto,
10 Sofre dores e trabalha, ó filha de Sião, como a que está de parto; porque agora sairás da cidade, e morarás no campo, e irás até Babilônia. Ali, porém serás livrada; ali te remirá o Senhor da mão de teus inimigos.
11 Agora se congregaram muitas nações contra ti, que dizem: Seja ela profanada, e vejam o nossos olhos a Sião.
12 Mas, não sabem os pensamentos do Senhor, nem entendem o seu conselho; porque as ajuntou como gavelas para dentro da eira.
13 Levanta-te, e debulha, ó filha de Sião, porque eu farei de ferro o teu chifre, e de bronze as tuas unhas; e esmiuçarás a muitas pessoas; e eu dedicarei o ganho delas ao Senhor, e os seus bens ao Senhor de toda a terra.

Referências Cruzadas

1 Is 2:2; Ez 17:22; Ez 17:23
3 Is 2:4; Jl 3:10; Sl 72:7
4 1Rs 4:25; Zc 3:10
5 Jr 2:11; Zc 10:12
6 Ez 34:16; Sf 3:19; Sl 147:2; Ez 34:13; Ez 37:21
7 Mq 2:12; Mq 5:3; Mq 5:7; Mq 5:8; Mq 7:18; Is 9:6; Is 24:23; Dn 7:14; Dn 7:27; Lc 1:33; Ap 11:15; Gn 35:21
9 Jr 8:19; Is 13:8; Is 21:3; Jr 30:6; Jr 50:43
11 Lm 2:16; Ob 1:12; Mq 7:10
12 Is 55:8; Rm 11:33; Is 21:10
13 Is 41:15; Is 41:16; Jr 51:33; Dn 2:44; Is 18:7; Is 23:18; Is 60:6; Is 60:9; Zc 4:14; Zc 6:5

10-12. Cenas finais. A Bíblia, e a Bíblia só, dá-nos uma perspectiva correta destas coisas. Ali estão reveladas as grandes cenas finais da história de nosso mundo, acontecimentos que já estão projetando suas sombras diante de si, fazendo o ruído de sua aproximação com que a Terra trema e o coração dos homens desmaie de temor. [Isaías 24:1, 5, 8; Joel 1:15, 17, 18, 12; Jeremias 4:19, 20, 23-26; 30:7; Isaías 26:20; Salmos 91:9, 10; 50:1-3, 4, 6; v. 10-12; Jeremias 30:17, 18; Isaías 25:9, 8; 33:20, 22; 11:4].
Então se cumprirá o propósito de Deus; os princípios do Seu reino serão honrados por todos debaixo do Sol. [Isaías 60:18; 54:14].
Os profetas a quem foram reveladas estas grandes cenas, anelavam compreender sua significação. Eles “inquiriram e trataram diligentemente,… indagando que tempo ou que ocasião de tempo o Espírito de Cristo, que estava neles, indicava. … Aos quais foi revelado que, não para si mesmos, mas para nós, eles ministravam estas coisas que agora vos foram anunciadas;… para as quais coisas os anjos desejam bem atentar”. 1Pedro 1:10-12.
A nós, que nos achamos nas vésperas do seu cumprimento, de quão profunda importância, de quão vívido interesse, são estes delineamentos de coisas vindouras — fatos pelos quais, desde que nossos primeiros pais se retiraram do Éden, têm os filhos de Deus vigiado e esperado, ansiado e orado! (Ed 180-183).

Mq 4:8 Referência à restauração da terra após o milênio (GC 674.3).